Entrevista ao blog A Urbanistica sobre Empreendedorismo

Hoje a postagem é diferente! Tive o enorme prazer em conceder uma entrevista para o blog A Urbanística, sobre o tema Empreendedorismo na profissão de Arquitetura e Urbanismo.

controle-financeiro-pessoal-1-500x332

Segue aqui algumas partes da entrevista e no final o link na íntegra:

A URBANÍSTICA – O que caracteriza uma pessoa empreendedora?
Jefferson Malta – O empreendedor é visionário, oportunista e incansável, ele faz várias coisas ao mesmo tempo. Ele tem suas metas, as alcança e não fica satisfeito, logo quer alcançar novas metas. O empresário já é diferente, ele tem suas metas, as alcança e fica satisfeito. O empreendedor é aquela pessoa que nunca aposenta, sempre quer algo mais. Ela tenta enxergar de cima e o mais longe possível, sempre atenta ao que acontece no momento. Por exemplo, caminhando na rua ela identifica oportunidade. Uma pessoa empreendedora é aquela que acredita que pode alcançar tudo que quiser com força de vontade.
A URBANÍSTICA – Algumas pessoas acham que o empreendedorismo se limita a criação de uma empresa. O que você diria sobre isso?
Jefferson Malta – Eu diria que qualquer pessoa pode abrir uma empresa. O empreendedor não começa abrindo uma empresa, ele começa resolvendo o problema de alguém, sem pensar em dinheiro. Primeiro ele pensa no impacto social da sua ação, em como resolver um problema. Depois, se ele perceber que há mercado para a sua ideia ele investe no negócio.
A URBANÍSTICA – Planejamento estratégico para o arquiteto.
Jefferson Malta – O primeiro passo é saber aonde se quer chegar. Onde você quer estar daqui a cinco anos? A partir do seu foco você traça o seu caminho, define as etapas para chegar lá. Definindo as etapas você começa a perceber as suas deficiências e coloca no planejamento ações para saná-las, como cursos que terá que fazer ou algo que terá que comprar. Você precisa elaborar um cronograma e um plano de ação. No cronograma constará degrau por degrau tudo que será preciso fazer para alcançar o objetivo definido. No plano de ação você explica as causas das suas deficiências e indica a ação necessária e o prazo para cumpri-la. Essa é uma parte burocrática, mas que é essencial para a concretização dos seus sonhos.
Entrevista na íntegra, clique aqui!
Jefferson Tranqueira Malta Lopes, por Empreenda Ideias – Motivação diária para empreender.
Anúncios